Arquivo da tag: mitos sobre a wicca

Wicca: os mitos e as verdades

A religião Wicca é considerada uma das religiões mais antigas do mundo, ela foi influenciada por crenças pré-cristãs e da Europa ocidental, mas foi reconhecida somente em 1986. Alguns mitos foram criados sobre a religião e este artigo tem a intenção de desmistifica-los.

wicca

Mitos sobre a Wicca

Wiccanos não acreditam em Deus

Os wiccanos de fato não acreditam no mesmo deus do cristianismo, são poleteístas, ou seja, acreditam em mais de um deus, a Deusa, que representa a Terra e a Lua e o Deus Cornífero, representação do Sol e dos animais.

Adoram o Diabo

Para ficar claro, os praticantes da Wicca não são satanistas, eles são bruxos. Além disso, o diabo é uma figura cristã, nesse caso, seria impossível eles adorarem uma figura que para eles não existe.

Possuem uma Bíblia Negra

Assim como foi citado item anterior, a Bíblia é cristã, então eles não possuem uma bíblia negra, mas eles usam o livro das sombras ou o livro de feitiços para escreverem seus aprendizados e sobre eles mesmos, como um diário.

Nos rituais praticam orgia

Não há nenhum tipo de relação sexual durante os rituais. Eles somente respeitam a diversidade sexual e durante os rituais, alguns praticantes querem sentir a energia das duas deidades (um homem e uma mulher), sem preconceitos ou julgamentos.

Wicca não é uma religião

A Wicca foi reconhecida como religião em 1986.

A Wicca pratica o mal e faz sacrifício de animais

Os wiccanos acreditam na Lei Tríplice, ou seja, eles acreditam que a lei entra em ação como resposta a qualquer atitude, sendo assim, eles não praticam o mal, nem faz sacrifício de animais.

“Tudo o que fizeres voltará em triplo para ti”

Entenda um pouco mais da religião Wicca

Elementos da Wicca

A Wicca é uma religião baseada nos ciclos naturais da Terra e entende cada elemento (terra, ar, água, fogo e éter) como a essência básica do universo.

Sabás

Os Sabás ou Sabbats, são celebrações pré-cristãs que comemoram a passagem do ano. Dentro destas celebrações estão as passagens de estações do ano, época de colheita e lactação dos animais.

Estas celebrações também são conhecidas como Roda do Ano. E são comemoradas de formas e em datas diferentes pelo mundo, dependendo da região e cultura.

Dentro da Roda do Ano existem os sabás maiores (chamados celebrações do céu) e os sabás menores (celebrações da terra). Os sabbats maiores são: Samhain (Halloween), Imbolc (ou Candlemas), Beltane, e Lammas (ou Lughnassad). Os sabás menores são as passagens das estações do ano, que são chamadas: Yule (Solstício de Inverno), Ostara (Equinócio de Primavera), Litha (Solstício de Verão), e Mabon (Equinócio de Outono).

Os sabás são comemorados em datas diferentes em cada hemisfério, por conta da diferença das estações do ano.

Pentagrama

O pentagrama representa os 5 elementos – o corpo: 4 membros e a cabeça. Os 5 estágios da vida: nascimento, infância, maturidade, velhice e morte. Os 5 sentidos interiores e exteriores. O amuleto é usado para o reconhecimento dos bruxos e a adoração aos deuses, assim como a cruz para os cristãos.

As pontas são representações dos elementos: Espírito, Terra, Ar, Fogo e Água.