Arquivo mensais:outubro 2018

SHIVA – Deus da destruição

Deus da destruição

Shiva

Shiva é conhecido como o deus da destruição ou transformação. Ele é representado pelo saturno na astrologia e considerado o criador da Yoga (Ioga). É figurado por um homem, sentado na posição de lótus, com quatro braços. Dois estão colocados na perna, a mão direita está espalmada, na altura do peito, simbolizando a bênção e na outra mão, segura um tridente ou Trishula.

O tridente é considerado uma arma. Ou seja, com este objeto, ele destrói a ignorância dos seres humanos. Cada uma das pontas representam os três papéis diferentes: a inércia, o movimento e o equilíbrio. O Trishula é considerado uma arma sagrada e sempre deveríamos lembrar que carregar conosco. Na yoga, os dedos em forma de três podem representar esse símbolo.

Continue lendo

A história de uma das religiões mais antigas do mundo: o Hinduísmo.

Quando falamos de religião, podemos citar a que é considerada uma das mais antigas manifestações religiosas, o hinduísmo. Ela tem as suas origens na tradição védica. O nome se dá devido aos moradores que habitavam a região do rio Indo e as planícies do Gandhi. Este povo chamava o seu sistema de crença de “sanatana-dharma”.

Existem alguns relatos da existência deste povo há mais ou menos 2 mil anos a.C.. Uma destas manifestações são chamadas de Vedas (que quer dizer sabedoria). São quatro obras e elas são consideras como as escrituras sagradas mais antigas da história. Estes livros são compostos de hinos religiosos. Neles estão as explicações do culto, religião, a forma de entendimento da vida etc.

Os Vedas foram registrados em um idioma chamado sânscrito védica, uma língua que não existe mais, mas que serviu para unificar as diversas culturas ali existentes. Graças a alguns ensinamentos mais importantes, presentes nessa obra, fez deles os livros sagrados para mais de 1 bilhão de pessoas. Elas seguem seitas diferentes e que serão abordadas posteriormente.

Continue lendo